Tecnologia consegue prevenir estragos causados por raios

Foto: José Fernando Ogura / AN - PR

Foto: José Fernando Ogura / AN – PR

Um novo sistema desenvolvido no Simepar é capaz de prever onde, quando e com qual intensidade os raios vão atingir uma região. A tecnologia deve ajudar a prevenir e reduzir os estragos das tempestades no Paraná.

A novidade se chama SIPPER: Sistema de Previsão Probabilística de Eventos de Raios. A ferramenta é capaz de monitorar e prever as tempestades elétricas, os raios, em todo o Paraná.

A plataforma é capaz de processar milhares de raios registrados, ao mesmo tempo, em várias regiões do estado. Do computador, os meteorologistas do Simepar conseguem identificar onde as tempestades elétricas ocorreram ou ainda estão ocorrendo.

O sistema inédito no Brasil foi desenvolvido pela matemática, Mariana Kleina, durante a tese de doutorado dela na Universidade Federal do Paraná. Ela explica que, além de permitir o monitoramento em tempo real dos raios, a ferramenta consegue prever as próximas descargas elétricas.

O principal objetivo do novo sistema é evitar danos nas redes elétricas durante as tempestades. O SIPPER já está em uso no Simepar. A ideia é que, no futuro, a tecnologia seja utilizada por companhias de energia.

Prever com uma hora antecedência os rumos das tempestades pode evitar os prejuízos à população.

Apesar de ter sido desenvolvido em Curitiba, e de estar em uso no Paraná, o sistema consegue prever e monitorar os raios em todo o país.

Repórter Ana Kruger



Categorias:Paraná

Tags:, , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: