Foto: Reprodução Vídeo/Paraná Portal
Foto: Reprodução Vídeo/Paraná Portal

O episódio aconteceu na noite desta quarta feira (31/08), horas após a confirmação do afastamento definitivo de Dilma Rousseff. A senadora Vanessa Grazziotin, do PC do B do Amazonas, uma das principais defensoras de Dilma no processo de impeachment, desembarcava do avião no Aeroporto Afonso Pena quando começou a ser hostilizada.

Segundo a assessoria de imprensa da senadora, o advogado Paulo Demchuk, que estava no mesmo avião dela, precisou ser controlado pela tripulação durante o desembarque. A parlamentar está em Curitiba para visitar a mãe que está doente.

Em entrevista a CBN, o advogado afirma que não xingou a parlamentar, mas confessa que foi agressivo.

Durante a confusão a senadora teria começado a filmar a discussão com o celular. O advogado tentou tirar o aparelho das mãos dela.

Já no Aeroporto Afonso Pena, a Polícia Federal chegou a prestar apoio, mas não foram feitos encaminhamentos, como boletim de ocorrência.

A Latam Airlines Brasil, responsável pelo vôo onde estava a senadora, confirmou que solicitou o apoio da PF por conta do comportamento do passageiro considerado “indisciplinado” pela empresa. Em nota, a LATAM afirmou ainda que segue os mais elevados padrões de segurança, atendendo rigorosamente aos regulamentos de autoridades nacionais e internacionais.

Repórter Ana Krüger

Deixe seu comentário