TCE-PR recomenda mais rigor na gestão do lixo da Grande Curitiba

Foto: Prefeitura de Curitiba

Foto: Prefeitura de Curitiba

O Tribunal de Contas do Estado do Paraná emitiu uma lista com recomendações para a melhoria da gestão do lixo em Curitiba e na Região Metropolitana. As orientações foram enviadas à Prefeitura de Curitiba, ao Governo do Estado e ao Ministério Público do Paraná.

A iniciativa surgiu após uma auditoria realizada em 2012 no antigo Aterro da Caximba. O Aterro Sanitário de Curitiba foi desativado em 2010. O espaço recebia, por dia, mais de duas toneladas de lixo da capital e de vários municípios da região metropolitana. Em 21 anos de operação, o aterro recebeu mais de doze milhões de toneladas de lixo.

O conselheiro do tribunal, Fernando Guimarães, coordenou, na época, a auditoria no aterro. Ele explica que a análise permitiu identificar que impactos ambientais e sociais um aterro sanitário traz para uma região.

Mesmo desativado, os danos provocados pelo aterro podem ser sentidos num período de até trinta anos. A lista de recomendações cobra principalmente a criação de um Plano de Encerramento do Aterro da Caximba. É a tentativa de compensar a região pelos prejuízos ambientais e sociais.

O que se pretende com as recomendações é evitar que problemas identificados no caso da Caximba se repitam em outros aterros. Além das orientações para a Grande Curitiba, o tribunal cobra mais rigor no monitoramento e gestão desses espaços em todo o Paraná.

A Secretaria de Meio Ambiente (Sema) e o Instituto Ambiental do Paraná (IAP) vão ter que reforçar a fiscalização da gestão de resíduos no estado. Esses órgãos devem cobrar dos consórcios intermunicipais gerenciadores do lixo urbano estudos de impacto ambiental, levantamentos sanitários e estudos relativos à população do entorno de aterros sanitários.

 

Em nota, a Secretaria Municipal do Meio Ambiente de Curitiba afirmou que todas as recomendações sobre a melhoria da gestão do lixo em Curitiba solicitadas pelo Tribunal de Contas do Estado estão sendo observadas. Segundo o município, o Plano de Encerramento do Aterro Sanitário de Curitiba já foi implantado.

Repórter Ana Krüger



Categorias:Cidade

Tags:, , , , , , , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: