img-20160915-wa0007-1

A Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa de Curitiba está em busca de informações que levem a captura de Luccas Abagge, de 26 anos. Ele é suspeito de dois homicídios, e ainda de cometer dois assaltos.

Abagge está foragido da Justiça desde junho deste ano, quando conseguiu escapar da Penitenciária Central do Estado (PCE) em Piraquara, na Região Metropolitana. Ele cumpria pena por outro crime de homicídio, cometido em 2015, no bairro Batel. O adolescente Matheus de Godoy Bueno, de 16 anos, foi morto na Praça da Espanha por Abagge.

Ele ainda tem passagem por vários crimes, como detalhou a delegada Sabrina Barreiros.

A polícia pediu a prisão preventiva dele pela morte de Erivelton Júlio de Carvalho, de 34 anos, que foi baleado em 24 de julho deste ano na Rua Cruz Machado, no Centro de Curitiba. A investigação revela que foi Abagge quem efetuou os disparos.

Ainda naquele dia, Luccas Abbage teria roubado um táxi na fuga e outros três veículos. Imagens de câmeras de segurança mostram os assaltos.

Informações a respeito do paradeiro de Luccas Abagge podem ser repassadas por meio do disque-denúncia da DHPP, o 0800.643.11.21, com sigilo garantido.

Em caso de prisão, Luccas Abagge vai responder pelos crimes de homicídio e roubo, podendo ser condenado por até 30 anos.

Repórter Cristina Seciuk

Deixe seu comentário