As livrarias estão abarrotadas de livros que ensinam a vencer. A maioria se refere a aspectos exteriores, como riqueza, poder e conhecimento.
Discordo que vencer se resuma a isso. Talvez a maior vitória seja encontrar a paz e a felicidade e isso só nós podemos conquistar numa luta interna para superarmos nossas limitações e a falta de sabedoria.
Pena que o êxito externo, material e visível, é o que interessa à maioria das pessoas.
Para vencer, externa ou internamente, entretanto, são necessárias três virtudes: trabalhar, aproveitar as oportunidades e saber se relacionar.
Se alguém vence sem praticá-las, foi surpreendido pelo imponderável chamado sorte.
Com relação às virtudes, não é o trabalhar que conduz à vitória- senão todos seriam vitoriosos- mas o saber trabalhar. Fernando Pessoa já dizia que o saber trabalhar é não fazer esforço inútil, persistir no esforço até o fim e saber reconhecer quando erra, recomeçando com o mesmo entusiasmo.
Aproveitar oportunidades quer dizer não somente não as perder, mas, principalmente, achá-las.
Por fim, saber se relacionar significa aprender com todos que foram colocados na nossa vida, reconhecer seus talentos individuais, pois todos o têm. E no que diz respeito a nós mesmos, aperfeiçoar nossas virtudes, dominar nossos defeitos e saber diferenciar uns dos outros.

Deixe seu comentário