Foto: SMC

Este slideshow necessita de JavaScript.

A data foi indicada pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) e é um preparatório para uma greve geral que está sendo organizada pela entidade.

A CUT argumenta que é preciso paralisar as atividades para protestar contra possíveis retiradas de direitos da classe trabalhadora diante dos estudos envolvendo uma Reforma da Previdência e também trabalhista.

Vários sindicatos no Paraná estão mobilizados com reflexos em vários setores. As escolas da rede estadual de ensino do Paraná terão aulas de 30 minutos. Trata-se de uma mobilização organizada pela APP Sindicato, o sindicato que representa os professores.

A proposta é que, após as aulas, os educadores façam debates sobre o impacto das decisões e projetos de lei nacionais e estaduais no âmbito escolar.

O Sindicato que representa os metalúrgicos de Curitiba e Região, informou que 12 mil trabalhadores estão mobilizados. Foram diversos piquetes em frente a montadoras de veículos e indústrias na Grande Curitiba.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Manifestantes também bloquearam o Contorno Sul, na altura do viaduto do Caiuá. A rodovia ficou totalmente interditada por mais de uma hora. O bloqueio é parcial neste momento segundo a PRF

Repórter Fábio Buchmann

Deixe seu comentário