Reprodução Youtube

No Dia Nacional da Doação de órgãos, um hospital e uma rede de restaurantes de Curitiba lançaram uma campanha diferente para mobilizar a população.

O vídeo já foi visto quase 300 mil vezes no Facebook. A campanha pergunta ao público: “imagine se a sua vida dependesse justamente do que falta?” e reforça a importância da doação de órgãos.

Para impactar as pessoas, a ação mostra clientes do restaurante que pediram um sanduíche. Mas quando eles vão comer, percebem que falta justamente o hambúrguer.

Câmeras escondidas captaram a reação das pessoas. Ao reclamar da ausência do hambúrguer, os clientes chamam o garçom e aguardam um novo prato. O garçom retorna com uma caixa que não traz outro sanduíche, mas sim, uma mensagem sobre a doação de órgãos.

A campanha foi feita pelo Hospital Angelina Caron, em parceria com a rede de restaurantes Madero. O diretor de marketing do Madero, Leandro Lorca, relata quais os primeiros resultados da ação lançada nesta terça feira, Dia Nacional da Doação de Órgãos.

O Paraná é o terceiro colocado no ranking de doação de órgãos do Brasil. De janeiro a agosto, já foram realizados mais de 450 transplantes no estado, de acordo com a Secretaria de Saúde.

O Hospital Angelina Caron é o maior centro de transplantes de órgão do Paraná. O chefe do setor de transplantes da instituição, João Eduardo Nicoluzzi, reforça a importância de falar sobre a doação.

No próprio vídeo da campanha são divulgados alguns relatos dos clientes que participaram da ação.

Para se tornar um doador de órgãos não é preciso deixar qualquer documento ou registro, basta avisar os familiares de primeiro ou segundo grau, pai, filho, irmãos, avós, cônjuges, sobre o desejo de doar.

O que determina quais órgãos e tecidos podem ser doados é a condição clínica do paciente no momento da morte.

Repórter Ana Krüger

Deixe seu comentário