Fotos de ouvintes da CBN Curitiba com estragos provocados pela explosão
Fotos de ouvintes da CBN Curitiba com estragos provocados pela explosão
Fotos de ouvintes da CBN Curitiba com estragos provocados pela explosão

A Justiça decretou a prisão preventiva do dono da empresa Explopar onde um caminhão carregado com dinamite explodiu no último sábado em Bocaiúva do Sul, na região metropolitana, e deixou centenas de casas danificadas. Em nota, a empresa disse que vai recorrer da decisão.

Milton Lino Silva está preso desde o último sábado e agora a prisão foi transformada em preventiva, ou seja, sem prazo para a soltura. Antes era temporária.

E nota, a empresa disse que vai recorrer e reafirmou que foi vítima de ato criminoso, praticado por terceiros. A nota ainda reforça que a empresa continua com a intenção de buscar mecanismos para reparar os danos sofridos por outras vítimas dos efeitos da explosão.

A polícia investiga o caso e na tarde desta segunda-feira incinerou as dezenas de espoletas que estavam na região da explosão. Espoleta é a parte da dinamite que dispara o explosivo.

Segundo a Defesa Civil, 160 casas foram atingidas. 24 ficaram completamente destruídas. Nove pessoas estão desabrigadas e pelo menos 80 estão desalojadas e foram acomodadas em casas de familiares ou amigo. Oito pessoas tiveram ferimentos leves.

Deixe seu comentário