Coluna de Renato Follador: Perícia neles

A incompetência suprime recursos inestimáveis nas nossas casas, nas empresas e no governo.
O dinheiro não aceita desaforo e o juro e a inflação são as armas dele para se vingar de quem administra com irresponsabilidade.
Desde o final do mês passado, o INSS está convocando para uma perícia os segurados que recebem algum benefício temporário por incapacidade há mais de dois anos, como, por exemplo, nos auxílios-doença.
São 530 mil casos nessa situação em todo país e a previsão era de que em 371 mil deles houvesse algum tipo de irregularidade.
Pois bem, iniciado o trabalho, de acordo com a Associação Nacional dos Médicos Peritos, nas primeiras 5.000 reavaliações identificou-se que em 4.000, ou 80%, os segurados estavam aptos para o trabalho. O pagamento era indevido.
Pior, outro ponto que chamou a atenção na primeira amostra de benefícios reavaliados foi o percentual de segurados com o auxílio-doença e que trabalham. É um benefício por incapacidade laboral e se o segurado está trabalhando é uma irregularidade gravíssima. Agora, não era só cruzar dados do sistema para identificar?
Olha, esse país é realmente uma potência. Com todas essas barbaridades ele ainda está em pé e pronto para se reconstruir.
Mas podem crer, competência é fundamental. Quando forem eleger prefeitos, governadores e presidentes lembrem disso.



Categorias:Renato Follador - Previdência

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: