Foto: José Gomercindo / ANPr
Foto: José Gomercindo / ANPr

A Receita Estadual realiza, até o dia 09 de dezembro, uma operação contra motoristas que ainda não pagaram o IPVA de 2016. A estimativa é de que, atualmente, a inadimplência chegue a R$ 500 milhões.

A operação, batizada de “Volante”, foi iniciada nesta terça-feira e deve seguir até o dia 09 de dezembro em todo o estado. O objetivo da ação, coordenada pela Receita Estadual, é identificar os veículos que circulam sem o pagamento do IPVA, e consequentemente, sem o licenciamento atualizado do carro, que é um documento obrigatório.

De acordo com Antônio Ramiro, inspetor geral de fiscalizações da Receita Estadual, as ações serão realizadas em vários municípios do Paraná, com apoio da Polícia Militar, e em alguns casos, das Secretarias Municipais de Trânsito.

Quando as equipes encontram alguma irregularidade, o motorista é abordado e o carro é retirado de circulação. O veículo só é liberado após o pagamento das pendências. A estimativa da Receita Estadual é de que, atualmente, cerca de um milhão de paranaenses não pagaram o IPVA de 2016. A inadimplência chegaria a R$ 500 milhões.

As fiscalizações são realizadas durante todo o ano pela Receita Estadual, mas com a operação Volante, as ações serão reforçadas e intensificadas no Paraná.

Repórter Tabata Viapiana

Deixe seu comentário