Coluna de Renato Follador: sonhos que se roncam

Ingenuamente, as pessoas pensam em iniciar um novo curso, fazer academia, poupar e desenvolver outros projetos novos em janeiro e fevereiro, após a volta das férias.
Ocorre que, nesse momento, estamos sem dinheiro, com IPTU, IPVA, material escolar e férias para pagar. Também estamos sem energia, pois todos sabem a dificuldade de pegar no tranco do trabalho depois de umas férias.
Pois é, cheguei à conclusão de que o momento certo para empreender algo novo é o último trimestre do ano. Sim, é quando entra o dinheiro do 13º., a participação nos resultados das empresas. Quando o astral de Natal e de proximidade de férias nos motiva a dar o primeiro passo na direção de nossos sonhos. Quando temos dinheiro no bolso e energia para mudar o que precisa ser mudado.
Na minha área de trabalho, final de ano é o momento certo de começar a mudar o futuro, até porque as contribuições para uma previdência privada até o dia 31 de dezembro é que poderão ser abatidas do imposto de renda do ano seguinte.
Então, meus amigos, não se esqueçam: faltam 33 dias para correr atrás dos seus sonhos, sonhos não têm pernas para correr atrás de você e, como dizia um amigo meu espanhol, os sonhos de início de ano se roncam, ou seja, não se realizam.



Categorias:Renato Follador - Previdência

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: