O primeiro dia de trabalho efetivo na prefeitura de Curitiba não tem agenda formal ou atividades públicas previstas para Rafael Greca. De acordo com a equipe do prefeito, que volta ao Palácio 29 de Março vinte anos depois do primeiro mandato, o dia deve ser apenas de despachos internos no gabinete.

Greca aproveitou para garantir, mais uma vez, a reintegração do transporte coletivo de Curitiba com a região metropolitana. O procedimento só deve começar, segundo o prefeito, a partir do dia 16 de janeiro, por causa da necessidade de uma assembleia para definir o novo presidente da Urbs. A integração deve ser feita paulatinamente até julho de 2017.

O prefeito também falou sobre as primeiras ações que pretende realizar nos próximos dez dias.

A equipe do alto escalão também já está trabalhando. Os secretários foram empossados nos cargos durante a solenidade realizada na noite deste domingo (01) no Memorial de Curitiba, após a posse formal, na Câmara. O prefeito, que prometeu enxugar em 40% os cargos em comissão e funções gratificadas, já promoveu redução no secretariado. Das 23 secretarias municipais que funcionavam em Curitiba até dezembro, apenas doze foram mantidas.

Repórter Tabata Viapiana

Deixe seu comentário