Foto: EBC

Começou a campanha de vacinação contra o vírus HPV para o público masculino. Devem ser imunizados meninos de 12 e 13 anos de idade.

O HPV, ou papilomavírus humano, pode provocar alguns tipos de câncer. Desde 2014 a vacina já estava disponível para garotas entre 9 e 14 anos.

O coordenador estadual de Imunização, João Luís Crivellaro, garante que a vacina não provoca reações intensas no organismo.

Crivellaro diz ainda que a forma mais segura de detecção do HPV nas mulheres se dá por meio do exame papanicolau. Ele lembra também que a imunização, tanto em homens quanto em mulheres, só estará completa depois da segunda dose.

O governo do estado pede ainda que os pais levem as carteiras de vacinação dos filhos para que sejam atualizadas.

O HPV pode provocar câncer de colo de útero nas mulheres. Dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca) apontam este tipo de câncer como o terceiro mais incidente na população feminina no Brasil.

Em 2015, mais de 330 pessoas morreram em decorrência da doença. Nos homens, o HPV pode provocar câncer no pênis, ânus e garganta. A dose está disponível nas 110 unidades básicas de saúde de Curitiba. Para se vacinar, o adolescente deve ir até a unidade mais perto de casa. A vacina é gratuita.

Repórter Fábio Buchmann

Deixe seu comentário