Estudante de 17 anos tem melhor desempenho no vestibular da UFPR desde 2006

Foto: Divulgação Curso Positivo

Foto: Divulgação Curso Positivo

Um estudante de 17 anos ficou em primeiro lugar no vestibular 2016/2017 da Universidade Federal do Paraná e ainda teve o melhor desempenho já registrado desde 2006, quando a instituição adotou o atual modelo de seleção. Vinícius Lépika passou no curso de engenharia elétrica.

Objetivo traçado e alcançado. Além de ser aprovado no curso de engenharia elétrica, Vinícius Lépika, de 17 anos, também ficou no primeiro lugar geral do vestibular 2016/2017 da Universidade Federal do Paraná. Ele teve o melhor desempenho na primeira e na segunda fase e quase gabaritou a prova.

A nota, somando as duas etapas, foi de 958.618 pontos – é o melhor desempenho já registrado desde 2006, quando a universidade adotou o atual modelo de seleção, com duas fases e provas específicas para cada curso. Vinícius conta que estava confiante na aprovação, mas não esperava um resultado tão expressivo.

A rotina de estudos incluía um cursinho pela manhã e outro específico para exatas no período da tarde. À noite, ele revisava o conteúdo do dia ou tirava algumas dúvidas ainda pendentes. Mas Vinícius garante que o bom desempenho na Federal vem de anos de preparação.

Vinícius fez todo o ensino médio no colégio Positivo. O diretor do curso, Alceu Gnoatto, também comemorou o desempenho do aluno.

O processo seletivo 2016/2017 da UFPR ofereceu 5.494 vagas em 120 cursos.

Repórter Tabata Viapiana



Categorias:Cidade

Tags:, , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: