Foto: Colaboração ouvinte
Foto: Colaboração ouvinte

Uma passageira do transporte coletivo foi baleada no centro de Curitiba na tarde desta sexta-feira. O disparo foi feito por um ladrão, que tentava fugir após assaltar um estabelecimento da rua José Loureiro.

O caso foi registrado por volta das 15h. De acordo com o relato da vendedora que foi abordada pelo criminoso, o homem, que estava sozinho, esperou a loja ficar vazia para anunciar o assalto.

Aline Batista Carvalho ainda afirma que a criminalidade na região já virou rotina.

Depois do roubo, o assaltante tentou fugir foi perseguido por populares e chegou a disparar contra as pessoas que tentavam impedi-lo.

O tiro atingiu uma mulher de 56 anos que estava dentro de um ligeirinho que passava no cruzamento da José Loureiro com a Desembargador Westphalen.

Ela recebeu atendimento ainda no local, como relata Alessandra Frison, que é atendente de uma loja que fica bem em frente.

O bandido foi detido pelos populares e levado por policiais para a delegacia.

Com mais esse episódio, para quem trabalha na área central fica maior a sensação de insegurança.

Sobre as cobranças, a Polícia Militar afirmou, em nota que a área central é uma das mais policiadas de Curitiba, com trabalho diuturno de policiamento preventivo e ostensivo, inclusive na Westphalen.

Conforme a PM, tanto a radiopatrulha do 12º Batalhão quanto as ROTAMs desempenham atividades na área para evitar o crime e prender suspeitos. A polícia afirmou ainda que até mesmo policiamento a pé é feito em alguns momentos específicos.

A PM destacou ainda a formatura dos policiais militares, nesta quinta-feira, que passarão a atuar nas ruas da cidade e reforçou a necessidade de que a população colabore repassando informações sobre crimes.

 Repórter Cristina Seciuk

Deixe seu comentário