Suspeitos presos no litoral teriam ajudado quadrilha em assalto cinematográfico a carro-forte

Foto: PMPR

Foto: PMPR

A polícia prendeu na manhã desta sexta feira (20) dois irmãos suspeitos de participar do assalto cinematográfico a um carro forte, no último dia 9.

Eles têm 33 e 40 anos e foram presos em flagrante pelo Centro de Operações Policiais Especiais (COPE) em Paranaguá, onde moram, no litoral do estado. Após várias denúncias recebidas pela polícia, nesta sexta foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão, além da prisão da dupla.

O delegado do Cope, Rodrigo Brown, afirma que os dois irmãos, por serem moradores da região onde o crime ocorreu, podem ter auxiliado a quadrilha no assalto.

No local, a equipe policial apreendeu meio quilo de maconha, um colete balístico, um revólver 38, uma espingarda de pressão, várias munições, além de material para o tráfico, como balança de precisão e plásticos para embalar as drogas.

Os suspeitos foram autuados pelo crime de tráfico de drogas e porte de arma de fogo. As investigações apontam que a dupla é de São Paulo e que pode ser ligada a facções criminosas.

O assalto ao carro forte acontece na noite do dia 9 de janeiro, na BR 277, sentido Paranaguá. Usando armamento de guerra, a quadrilha explodiu o carro forte ainda na rodovia, na altura do KM 44.

De acordo com a PM, por volta das 20 horas os assaltantes renderam o motorista de um caminhão e usaram o veículo para bloquear a pista. O delegado do COPE fala ainda que, pela forma como o assalto ocorreu, a quadrilha já tem experiência com o uso de armamentos pesados e ataques a carros-forte.

Quando o carro-forte passou pelo local, houve troca de tiros com os seguranças que estavam no veículo. Os quatro seguranças do carro forte fugiram para um matagal na região. Os assaltantes explodiram o carro-forte ainda na rodovia. Diversos usuários da BR comentaram a situação em redes sociais.

A rodovia ficou aproximadamente 6 horas interditada. Dois motoristas foram presos, depois de recolher parte do dinheiro que ficou espalhado na pista.

A quadrilha conseguiu levar parte do dinheiro transportado pelo carro-forte. A polícia trabalha com a hipótese de que o grupo seja de fora do Paraná.

Repórter: Ana Krüger.



Categorias:Polícia

Tags:, , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: