Depois de 4 anos interditado, Ginásio do Tarumã deve ser reaberto em abril

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Interditado desde 2013 por determinação do Corpo de Bombeiros, o ginásio do Tarumã deve ser reaberto dentro de pouco mais de um mês.

Pelo menos esta é a previsão da Secretaria de Estado do Esporte e Turismo. O ginásio cinquentenário precisou de adaptações para se adequar às leis de segurança.

Inaugurado em janeiro de 1965, o Ginásio de Esportes Almir Nelson de Almeida é o mais antigo do Paraná. Foi palco de shows memoráveis na capital paranaense, numa época em que a imensa maioria das apresentações musicais de médio e grande porte só ocorriam no Estádio Couto Pereira ou no Ginásio do Tarumã.

No palco do ginásio, já estiveram bandas consagradas no Brasil como RPM, Titãs, Camisa de Vênus e Lobão. Atrações internacionais também estiveram por lá, como o guitarrista mexicano Santana. Foi no dia 23 de março de 1996.

Mas foi mesmo no esporte que o Tarumã viveu o auge. Em 1997, uma parceria entre o governo do estado e a iniciativa privada lançou um time de vôlei que era considerado uma máquina, uma equipe quase impossível de ser batida.

Era o Rexona – Curitiba. O técnico era o hoje consagrado Bernardinho, e tinha no elenco estrelas que jogavam na seleção brasileira como a atacante Érika, a levantadora Fernanda Venturini, esposa de Bernardinho, além das atletas Waleska e Elisângela.

O primeiro título veio já no segundo ano de fundação. O Rexona foi campeão da Superliga 97/98, vencendo os Leites Nestlé na final melhor de cinco jogos.

No ano seguinte o Rexona fica em 2° lugar na Superliga 98/99, ao perder o título para o Uniban/São Bernardo. Em novembro de 1999 o Rexona disputou o Campeonato Carioca como convidado, levando o título de forma invicta, sem perder nenhum set.

O segundo título da Superliga veio de forma dramática. Sete mil pessoas viram o título depois de um contra – ataque no quinto set. O jogo foi transmitido pelo Sport TV com a narração de Lucas Pereira.

No ano de 2004, o time se mudou para a cidade do Rio de Janeiro e continua conquistando títulos.

Boas lembranças, que só fazem a expectativa em torno da reabertura do Ginásio aumentar. O secretário de estado do esporte e turismo no Paraná, Douglas Fabrício, disse que além das readequações para obtenção do alvará de funcionamento, o ginásio ganhou novo telhado, caixa d’água, pintura, teve a quadra reformada, melhorias na iluminação e recebeu novos vestiários.

A previsão é que ele seja entregue ao público até o final do mês de abril. Por questões de segurança, a capacidade máxima do ginásio foi reduzida para pouco mais de 4500 pessoas.

O secretário lembra, no entanto, que a ação de vândalos tem atraso e deixado a reforma mais cara. Os pichadores, não deixam o ginásio em paz.

Os investimentos são de aproximadamente R$ 1,5 milhão.

 

Repórter Fábio Buchmann



Categorias:Cidade

Tags:, , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: