Foto: Divulgação/SMCS

Investigadores da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) da Polícia Civil e fiscais da Rede de Proteção Animal da Prefeitura de Curitiba apreenderam, nesta quarta-feira (20), 12 galos vítimas de maus-tratos, em uma casa no bairro São João, durante uma ação de fiscalização.

Os animais, que viviam em gaiolas bastante apertadas, foram retirados do local e estão em poder de um fiel depositário até que possam ser destinados à adoção.

O delegado Mateus Laiola, responsável pela DPMA, falou sobre as ações de fiscalização que são feitas quando são recebidas denúncias de maus-tratos contra os animais.

De acordo com a administração municipal, são cerca de 30 denúncias de maus-tratos e outras irregularidades recebidas diariamente pela Central 156.

O delegado lembra que as investigações são feitas, mas cerca de 50% das denúncias não são de maus-tratos, mas sim, de pessoas que se sentem incomodadas com os animais.

Mateus Laiola também fez um alerta para as pessoas que acabam tendo animais de pequeno porte e cometem o crime de maus-tratos.

O responsável pelos galos foi autuado em flagrante pelo crime de maus-tratos e levado à delegacia para prestar esclarecimentos e lavrar o termo circunstanciado.

Repórter William Bittar