Fundo foto criado por freepik - br.freepik.com

Paulo Mendes Junior – otorrinolaringologista

Com a queda nas temperaturas, aumentam os quadros de alergias e doenças respiratórias. O tempo mais seco faz com que as partículas que estão no ar fiquem livres para entrar no nosso organismo, por consequência o corpo humano pode desenvolver alergias, gripes, resfriados e até infecções.

No caso da rinite, que é uma inflamação da mucosa nasal, os principais sintomas são: coceira no nariz, espirro e obstrução nasal. O quadro pode se agravar para uma sinusite ou ocasionar crises de asma.

O médico otorrinolaringologista, Paulo Mendes Junior, explica que as doenças respiratórias afetam diretamente a qualidade de vida do paciente. Segundo o especialista, receitinhas caseiras podem amenizar os sintomas.

Pó, bolor, perfume e ácaros são alguns dos vilões quando o tema é alergia. Por isso, o médico destaca a importância de lavar o nariz com soro fisiológico para retirar as impurezas.

Como pode ser difícil diferenciar os sintomas de uma alergia respiratória daquelas decorrentes de um resfriado, o ideal é sempre procurar um médico que vai determinar qual a doença, a intensidade e o melhor tratamento.