Foto: Divulgação/SMCS

O que era para ser um legado das construções para a Copa do Mundo de 2014, o Terminal do Santa Cândida se transformou em mais um dos serviços inacabados, prometido para ficar pronto antes do mundial no Brasil. Agora, dois anos após uma entrega inacabada, a Prefeitura de Curitiba anunciou a retomada das obras.

Iniciada em 2012, a reforma no terminal teve diversos adiamentos e a nova ordem de serviço, assinada nesta quarta-feira (2), prevê que todo o processo dure, aproximadamente, 180 dias.

De acordo com Marcelo Bremer, diretor do Departamento de Edificações da Secretaria Municipal de Obras Públicas, as obras devem ser finalizadas dentro do prazo e são fundamentais também para o pleno funcionamento da nova linha do ônibus Ligeirão, a Santa Cândida/Praça do Japão, que entrou em funcionamento no dia 28 de março.

O projeto feito pelo Instituto de Pesquisa Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc) prevê uma série de serviços dentro e no entorno do terminal, como a construção da plataforma metálica do Ligeirão, pavimentação, calçadas, conclusão do subsolo, ampliação dos telhados, revestimento de piso e instalação semafórica.

Bremer também lembra que após a entrega das obras uma nova licitação será feita para definir os lojistas que poderão ocupar os espaços que serão disponibilizados no subsolo do terminal.

Além de toda a quantia já utilizada nas obras, conclusão deve custar mais R$ 3,7 milhões ao município e a entrega deve acontecer em novembro desse ano.

Repórter William Bittar

Deixe uma mensagem