O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva retornou a Curitiba na tarde deste sábado (02). Ele chegou à superintendência da Polícia Federal, no bairro Santa Cândida às 15h45, a bordo de um helicóptero. Ele desceu as escadas que dão acesso ao heliponto sob escolta policial e não utilizava algemas. Alguns apoiadores do ex-presidente o receberam com mensagens de apoio.

Lula foi a São Paulo na manhã deste sábado para participar do velório do neto Arthur Lula da Silva, de sete anos, que morreu na sexta-feira (01), vítima de meningite. O velório e a cerimônia de cremação foram em São Bernardo do Campo (SP).

Na tarde de sexta-feira, a presidente nacional do PT e deputada federal pelo Paraná, Gleisi Hoffmann, visitou Lula e falou sobre como ele estava após a notícia da morte do neto.

A autorização para que Lula fosse ao velório foi concedida nesta sexta-feira pela juíza Carolina Lebbos, da 12ª Vara Federal de Curitiba, atendendo a um pedido feito pela defesa do ex-presidente. Ele viajou em uma aeronave do governo do estado do Paraná, que saiu do Aeroporto do Bacacheri e o levou até Congonhas. De lá, ele foi de helicóptero até São Bernardo do Campo. Na volta, o avião decolou de Congonhas e pousou no Aeroporto do Bacacheri, onde Lula embarcou no helicóptero que o levou até a Polícia Federal, onde ele está preso desde abril do ano passado.

Repórter Karina Bernardi