Foto: PMPR

A Amai (Associação de Defesa dos Direitos dos Policiais Militares Ativos, Inativos e Pensionistas) promoveu uma reunião nesta quarta-feira com representantes das classes policiais e deputados que representam a categoria.

Entre os participantes estavam os deputados Soldado Fruet, do PROS, e Coronel Washington Lee Abe, do PSL. O objetivo foi demonstrar insatiSfação com relação às políticas do governo Ratinho Jr., referentes à segurança Pública.

Segundo o presidente da Amai, Altair Mariot (Mariô), além de problemas históricos como equipamentos sucateados e falta de pessoal, a PM vem sendo desprestigiada pelo Governo.

A principal evidência, segundo o presidente, é a nomeação de oficiais do exército para comandar a pasta. Lembrando que na semana passada, Ratinho Jr., indicou o coronel do exército Rômulo Marinho para ocupar o cargo de secretário de segurança. Ele substitui outro oficial, no caso o general Luiz Felipe Carbonel, que assumiu a diretoria de Coordenação da Itaipu Binacional.   

Segundo Altair Mariot, a Polícia Militar ficou sem voz junto ao governo

Outra reclamação é referente às progressões e ao plano de carreira

A CBN entrou em contato com a Assessoria de Imprensa do Palácio Iguaçu, mas até o fechamento desta reportagem não houve retorno.

Repórter Fabio Buchmann