Foto: Divulgação

A Bienal Internacional de Arte Contemporânea de Curitiba, que neste ano comemora 25 anos, apresenta a performance “Prata da Casa”, do artista Eduardo Amato. A apresentação acontece no Pátio de Esculturas do Museu Oscar Niemeyer, no próximo domingo (9) entre 13h e 18h.

“Prata da Casa” é uma aula de voo para quem perdeu o chão. Idealizada por Eduardo Amato, contará com colaboração da artista Cintia Ribas.

De acordo com o artista Eduardo Amato, a performance tem ligação profunda com aspectos psicológicos, onde o ato de polir a prata é no sentido de tirar os fantasmas impregnados não apenas na matéria, mas na memória.

Eduardo convida o público para a performance no próximo domingo.

Eduardo Cardoso Amato tem 27 anos, é formado em design de produto (UP) e é pós-graduando em poéticas visuais (EMPAB) ele  estudou performance na Alemanhã.

A Bienal Internacional de Arte Contemporânea de Curitiba é um dos principais eventos de arte do circuito mundial. Neste ano, a Bienal realiza uma edição especial de 25 anos e até o dia 30 de dezembro deste ano, conta com diversas exposições e atividades em museus e outros espaços culturais da cidade.

Para saber mais sobre as atividades propostas nesta edição da Bienal de Curitiba | 25 anos, basta acompanhar a página oficial do evento no Facebook.

Repórter Vanessa Fernandes