Foto: Reprodução / Paraná Portal/arquivo
Terrazza Panorâmico
Foto: Reprodução / Paraná Portal / arquivo

Brasil, Paraguai e Argentina anunciaram uma força tarefa para investigar o assalto milionário a uma empresa de transporte de valores na última segunda feira (24). A decisão foi divulgada após uma reunião do Comando Tripartite de Segurança, entidade que engloba os três países, em Cidade del Leste, no Paraguai.

Em coletiva de imprensa realizada nesta quinta (27), logo após a reunião, o delegado geral da Polícia Federal em Foz do Iguaçu, Fabiano Bordignon, chamou a ação de resposta integrada ao que foi considerado o maior assalto da história do Paraguai.

Várias forças de segurança do Paraná também estão mobilizadas nas investigações.

Até o momento, dez suspeitos foram presos. O assalto aconteceu na madrugada da última segunda feira (24), em Cidade del Leste, no Paraguai. Cerca de 50 homens fortemente armados explodiram a sede da empresa Prosegur e levaram U$ 40 milhões, o que equivale a mais de R$ 120 milhões.

A polícia segue as buscas pelos outros suspeitos.

Repórter Ana Krüger

Deixe uma mensagem