(Foto: Arquivo / AEN)

Sair para a rua e cair na folia. Carnaval é a data mais propícia para isto. E essa alegria e a euforia podem fazer o folião esquecer de cuidados básicos de segurança. Quem quiser curtir a festa sem estresse deve sempre prestar atenção em quem está ao redor. Qualquer um pode ser suspeito no meio da multidão, segundo o delegado Matheus Laiola, da Delegacia de Furtos e Roubos de Curitiba.

O delegado pede cuidado com esbarrões e empurrões aparentemente acidentais. Outra dica importante é não levar grandes quantias de dinheiro ou vários cartões de crédito e de débito. Basta separar tudo direitinho e guardar no lugar certo para evitar qualquer extravio.

Quem circular com crianças deve também redobrar a atenção. Colocar pulseiras de identificação ou mesmo etiquetas nas roupas pode ajudar em diferentes situações. Pais e responsáveis devem conversar com as crianças antes do deslocamento para os locais com muita circulação de pessoas e, caso alguém se perca, deve-se procurar imediatamente a polícia ou a equipe de segurança.

Estas orientações valem para aqueles que vão participar de qualquer evento, seja bailes em clubes, desfile das escolas de samba, passagem de blocos carnavalescos ou qualquer outro tipo de concentração de foliões – tradicionais ou não. O Carnaval alternativo – como os shows de rock ou a Zombie Walk – também não escapa das recomendações.

Curtir o Carnaval também requer planejamento, segundo Matheus Laiola.

O delegado ressalta que, em caso de furto e roubo, a vítima não deve reagir.

 

Repórter Joyce Carvalho

Deixe uma mensagem