Foto: Carlos Costa / CMC
Terrazza Panorâmico

A Procuradoria da Mulher foi instalada nesta quinta-feira (19) na Câmara Municipal de Curitiba, em sessão solene que deu posse a procuradora da mulher no legislativo municipal à vereadora Julieta Reis (DEM).

A instalação da procuradoria foi uma iniciativa da bancada feminina, formada por oito parlamentares – o maior número de cadeiras já ocupadas por mulheres na história.

Com a instalação da procuradoria da mulher na câmara, o legislativo da capital se insere em um movimento nacional de Legislativos, que tem incluído em seus regimentos internos a existência desse órgão autônomo, de combate à violência e à discriminação. A primeira procuradora da Mulher da Câmara Municipal de Curitiba, a vereadora Julieta Reis, terá como procuradoras adjuntas as vereadoras Maria Leticia Fagundes (PV) e Noemia Rocha (MDB).

A vereadora Julieta Reis destacou em seu discurso de posse que a procuradoria irá incentivar as mulheres a ocuparem espaços de liderança, buscar mais representatividade na cena política e lutar contra a impunidade nos casos de violência.

As procuradoras no legislativo municipal, deverão ser indicadas pela presidência do Legislativo, no início de cada gestão da Mesa Diretora. O mandato da procuradora da Mulher e das duas adjuntas durará dois anos, sendo que na ausência de uma parlamentar para algum dos postos caberá à Câmara indicar uma servidora do Legislativo para a atribuição.

Na Câmara Federal a Procuradoria da Mulher foi instalada em 2009, e na Assembleia Legislativa do Paraná em julho deste ano. Na Câmara Municipal a iniciativa foi aprovada em maio, e instalada nesta quinta-feira.

Repórter Vanessa Fernandes