Foto: Freepik

Me perguntam o que será do câmbio do dólar que estava a R$ 4,15 em janeiro e hoje caiu a R$ 3,10.
Primeiro, temos que analisar os motivos da queda de 25% em apenas 9 meses.
Três razões explicam isso: o impeachment, as medidas econômicas em busca da responsabilidade fiscal anunciadas pelo novo governo e a repatriação de dinheiro de brasileiros no exterior, o que injetou bilhões de dólares no mercado brasileiro.
A primeira e a terceira razão são pontuais. Não se repetem mais. Fossem só elas, o dólar subiria de novo.
Entretanto, as medidas econômicas, que apenas começam a ser aprovadas na Câmara Federal, podem não só trazer o equilíbrio econômico como a reativação da economia, a volta dos empregos, a queda da taxa de juros, a valorização da Bolsa e a atração de mais dólares para investimentos produtivos.Isso num cenário de muita liquidez de dinheiro no mundo, a Europa e o Japão praticando juros negativos, ou seja, o investidor aplica para receber menos do que aplicou, e nos Estados Unidos a taxa estando próxima de zero.
Assim, tudo vai depender do sucesso econômico do governo. Se as medidas duras continuarem a ser aprovadas, o dólar pode desvalorizar mais em relação ao real.
Hora de comprar passagem para o exterior, porque, se as medidas forem rejeitadas e os Estados Unidos subirem sua taxa de juroso dólar volta a subir.

1 Comentário

  1. Olá boa noite. Gostaria de saber hj qual é o melhor investimento para fazer. Tenho uma quantia pequena em dinheiro aplicado em LCI, mas hj escutei vc no bom dia pr e vc fala de outros investimentos. Gostaria de saber qual seria a melhor e mais segura????

Deixe uma mensagem