Confira os bairros que ficam sem água a partir desta quarta

Confira os bairros que ficam sem água a partir desta quarta
Foto: Freepik

A Sanepar divulgou a nova tabela do rodízio de água implantado em Curitiba e Região Metropolitana provocado pela estiagem em todo o estado. Há mais de um ano, não há registros de chuvas significativas e sequenciais no Estado, segundo a companhia de abastecimento de água.

Na capital paranaense, ficam sem água nesta quarta-feira (27), a partir das 16 horas, os bairros Cajuru, Guabirotuba, Jardim das Américas, Uberaba, Tarumã, Capão da Imbuia, Centro, Mercês, São Francisco, Bacacheri, Boa Vista, Ahú, Atuba, Barreirinha, Cabral, Centro Cívico, Santa Cândida, São Lourenço, Tingui, Juvevê, Bom Retiro, Abranches, Bigorrilho, Pilarzinho, Vista Alegre, Cascatinha, São João, Cajuru, Uberaba, Boqueirão, Alto Boqueirão, Hauer, Campo Comprido, Cidade Industrial, Mossunguê, Fazendinha, Campo de Santana, Ganchinho, Pinheirinho, Sítio Cercado, Tatuquara e Umbará.

A normalização do abastecimento nesses locais deve acontecer na sexta-feira (26), também às 16h.

A Sanepar lembra que o mesmo bairro pode aparecer na tabela do rodízio em dias sequenciais, pois, isso significa que o mesmo bairro é abastecido por reservatórios diferentes e o rodízio afeta áreas diferentes.

Atualmente, os reservatórios que abastecem a capital e Região Metropolitana estão, em média, com 43,44% das suas capacidades.

Uso Racional

A orientação é que os moradores façam uso racional da água. A prioridade deve ser alimentação e higiene pessoal. Outras atividades, como lavar carros, calçadas, regar jardins, devem ser adiadas para quando passar o período de estiagem.

Dicas de Consumo

De acordo com a Sanepar, neste período atividades como lavar carros e calçadas devem ser evitadas. Outras dicas são:

  • Reduza a lavagem diária de roupa. Acumule e use a capacidade máxima da máquina de lavar.
  • A água do último enxágue do tanque ou da máquina pode servir para regar jardim e grama, ensaboar tapetes, tênis e outras peças.
  • A água do tanque ou da máquina em que foi lavada a roupa serve para lavar calçadas e pisos. Lembre-se: lavar as calçadas com a mangueira é desperdiçar água tratada. Para “varrer” a sujeira, use a vassoura.
  • Feche a cuba da pia, deixando um pouco de água. Ensaboe toda a louça e enxágue com água limpa. Não deixe a torneira aberta durante todo o tempo.
  • Cinco minutos de chuveiro consomem 70 litros de água. Reduzir o tempo do banho faz muita diferença na conta.
  • Reduza o tempo da torneira aberta enquanto escova os dentes, ensaboa as mãos ou faz a barba. Torneira aberta manda para o ralo 20 litros de água por minuto. Prefira vasos sanitários menores, que utilizam menos água para a descarga.

Confira se sua região será afetada:

Repórter William Bittar