O meia Dudu comemora um dos sete gols que fez pelo Palmeiras na campanha do título de 2018. Foto: Cesar Greco/Agência Palmeiras.

Na campanha do Palmeiras, campeão da Série A do Campeonato Brasileiro de 2018, um dos destaques foi o meia Dudu. Para muitos, o melhor jogador da competição. “Eu escolheria o Dudu como craque por tudo. Fez a diferença”, afirmou o técnico palmeirense Luiz Felipe Scolari, após a vitória sobre o Vasco, por 1 a 0, no estádio de São Januário, domingo (25), no Rio de Janeiro.

Eduardo Pereira Rodrigues tem 26 anos, nasceu em Goiânia e começou a carreira no Cruzeiro. Em 2010, o time de Belo Horizonte o emprestou ao Coritiba, onde o meia disputou 21 jogos, fez quatro gols e foi campeão da Série B.

Depois de passagens por Dínamo de Kiev (Ucrânia) e Grêmio, Dudu chegou ao Palmeiras em 2015, ano em que ergueu o troféu da Copa do Brasil. Em 2016, como agora, foi campeão da Série A. Na conquista deste ano, o novo ídolo do alviverde paulistano atuou em 30 partidas, marcou sete gols e fez doze assistências.

Outro ex-jogador do Coritiba que se destacou neste final de semana foi o atacante Neto Berola, que jogou pelo time paranaense entre 2016 e 2017, com apenas quatro gols em 38 jogos. Se foi discreto no Coritiba, Neto Berola entrou para a história do CSA, sábado (24), ao marcar três gols na goleada de 4 a 0 sobre o Juventude, em Caxias do Sul, pela última rodada da Série B. Esta vitória classificou o CSA para a Série A. O time de Maceió não disputa a primeira divisão do futebol brasileiro desde 1986.

 

Ayrton Baptista Junior