Foto: Victor Simião/CBN Maringá

O procurador da república Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa da Lava Jato, disse que a culpa da ineficiência do Supremo Tribunal Federal (STF) é do “sistema”. A entrevista coletiva foi concedida ontem (18), na Associação Comercial e Empresarial de Maringá.

Deltan se posicionou também com relação a decisão do STF que limita as conduções coercitivas. A Lava Jato já usou mais de duzentas.

Dallagnol repercutiu também as eleições deste ano. Para ele, a renovação de cadeiras no Legislativo e Executivo é “saudável”, mas não precisa acontecer totalmente.

O coordenador da força-tarefa da Lava Jato esteve em Maringá, no noroeste do Paraná, para ministrar uma palestra sobre a Lava Jato e combate à corrupção.

Repórter Lucian Pichetti

Deixe uma mensagem