Foto: Pixabay

O frio deve chegar com mais intensidade nas próximas semanas, em Curitiba, e é comum a utilização de equipamentos para aquecer o ambiente, principalmente em casa, mas é preciso ter cuidado, principalmente com a utilização de aquecedores.

O manuseio correto do equipamento e não utilizá-lo em locais totalmente fechados e sem nenhuma ventilação, são cuidados básicos para que a tentativa de se aquecer se transforme em um problema grave e que pode causar a morte por asfixia.

O chefe de operações da Defesa Civil de Curitiba, Rodrigo Alípio, revela que uma causa muito comum de acidentes é a queima de carvão vegetal para aquecer pequenos ambientes, mas isso é perigoso e pode causar a morte de uma pessoa.

Alípio também elenca algumas alternativas para um aquecimento sem grandes riscos para a saúde. Dicas simples, mas que acabamos sempre ignorando na hora de sair de casa.

Para quem tem criança pequena em casa, a orientação principal é de não dar banhos quentes e sair ao vento. Dentro de casa, a utilização de umidificadores é uma boa alternativa para não ter problemas com aquecedores ligados.

Quem tiver dúvidas sobre o manuseio de equipamentos e utilização, pode solicitar auxílio pelo telefone 199 da Defesa Civil, 153 da Guarda Municipal, ou 156 pela Central de atendimento ao cidadão.

Repórter William Bittar

Deixe uma mensagem