Foto: EBC
Terrazza Panorâmico

Estados aplicam, em média, 2% do orçamento em melhorias nas cidades. De acordo com relatório do Tesouro Nacional, Estados e Distrito Federal registram alta na arrecadação nos primeiros seis meses do ano, mas o gasto previdenciário também aumentou. O relatório do Tesouro pode influenciar o julgamento da Suprema Corte nessa semana sobre a possibilidade de Estados e municípios de reduzir a jornada de trabalho e fazer cortes nos salário de servidores públicos para se enquadrar à lei de Responsabilidade Fiscal.

Ouça a matéria completa em Rede CBN