Foto: PRF

Duas pistolas e 2.225 munições foram apreendidas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), na noite deste sábado (19), em duas ocorrências praticamente simultâneas, no oeste do Paraná.

Em Santa Terezinha de Itaipu, os policiais desconfiaram de um passageiro de 61 anos de idade, que estava a bordo de um ônibus de linha que saiu de Assunção, no Paraguai, com destino a Florianópolis (SC).

Conforme a PRF, o ônibus foi abordado na BR-277. As munições estavam sob o corpo, nos bolsos, calçados e bagagem do passageiro.

Entre as munições apreendidas estão 1.250 de calibre 32; 525 de calibre 38; 300 de calibre 6.35 mm; e 150 de calibre 22.

Aos policiais rodoviários federais, o homem disse que comprou os projéteis em Foz do Iguaçu (PR) e que pretendia vendê-los em Florianópolis (SC).

O crime de comércio ilegal de armas de fogo prevê pena de quatro a oito anos de prisão. A PRF encaminhou o preso e as munições para a Delegacia da Polícia Civil, em Santa Terezinha de Itaipu.

Já em Céu Azul, também na BR-277, os policiais abordaram um automóvel. O carro era conduzido por um motorista de nacionalidade paraguaia, de 27 anos de idade. Com ele estavam duas passageiras, ambas brasileiras, com 18 e 44 anos.

Durante a abordagem, os policiais rodoviários federais localizaram duas pistolas calibre 9 milímetros, ambas ocultas no compartimento do motor do veículo, sob um filtro de ar.

O motorista disse que pegou as armas em Foz do Iguaçu (PR) e que pretendia levá-las até Balneário Camboriú (SC). Dentro do carro havia ainda mercadorias compradas no Paraguai, que serão encaminhadas à Receita Federal de Foz do Iguaçu.

Os três ocupantes do carro foram presos e encaminhados à Delegacia da Polícia Civil, em Matelândia.