Em Curitiba, 41 bairros ficam sem água nesta segunda-feira

Em Curitiba, 41 bairros ficam sem água nesta segunda-feira
Pedro França / Agência Senado

Nesta segunda-feira (13), 41 bairros ficam sem água em Curitiba a partir das 16h, com previsão de retorno após as quatro da madrugada de quarta-feira (15). De acordo com a Sanepar, as regiões afetadas pelo desabastecimento podem ficar sem água por até 36 horas.

Os bairros afetados nesta segunda-feira (13) são: Bacacheri, Bairro Alto, Jardim Social, Tarumã, Capão da Imbuia, Batel, Bigorrilho, Campina do Siqueira, Água Verde, Seminário, Vila Izabel, Augusta, Campo Comprido, Santo Inácio, Cidade Industrial, Mossungue, Riviera, São Braz, Orleans, Cachoeira, Barrerinha, Santa Cândida, Boa Vista, São Lourenço, Abranches, Pilarzinho, Taboão, Cachoeira, Atuba, Santa Cândida, Santa Quitéria, Portão, Novo Mundo, Capão Raso, CIC, Pinheirinho, Sítio Cercado, Tatuquara, Campo de Santana, Caximba e Ganchinho.

Outros 41 bairros estão sem água desde às 16h de domingo (12), com previsão de retorno para a madrugada de terça-feira (14): Cajuru, Ahú, Alto da Glória, Batel, Bigorrilho, Bom Retiro, Centro, Centro Cívico, Juvevê, Mercês, São Francisco, São Lourenço, Campina do Siqueira, Seminário, Butiatuvinha, Cascatinha, Orleans, Santa Felicidade, São Braz, Santo Inácio, Santa Cândida, Atuba, Cidade Industrial, São Miguel, Augusta, Água Verde, Boqueirão, Capão Raso, CIC, Fanny, Fazendinha, Guaira, Hauer, Lindoia, Novo Mundo, Pinheirinho, Portão, Santa Quitéria, Seminário, Vila Izabel e Xaxim.

A Sanepar ressalta que algumas regiões desses bairros devem manter o abastecimento, pois, fazem parte de outro reservatório, ou seja, áreas que já foram afetadas com o desabastecimento em outros dias.

A companhia lembra que caso uma região não esteja em área de rodízio, e ainda assim estiver sem água, é possível que uma interrupção emergencial ou programada esteja afetando o abastecimento.

Obras

Já para quarta-feira (15) a Sanepar informa que vai interligar redes de distribuição de água em Curitiba. O serviço inicia às 8 horas e ocorre nas ruas Desembargador Motta, Saldanha Marinho e Brigadeiro Franco.

A obra poderá afetar parcialmente a distribuição de água nos bairros Batel e Bigorrilho. A normalização do abastecimento deve ocorrer após as 20 horas, de forma gradativa.

Uso consciente

A orientação é que os moradores façam uso racional da água, atentando para os hábitos de higiene, principalmente para a prevenção do novo coronavírus. A prioridade deve ser alimentação e higiene pessoal. Outras atividades, como lavar carros, calçadas e regar jardins, devem ser adiadas para quando passar o período de estiagem.

Além disso, imóveis que possuam caixa-d’água de, pelo menos, 500 litros, conforme recomenda a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), não devem sentir o impacto do desabastecimento, desde que a água seja usada de forma moderada.

Clique aqui para ver a tabela atualizada do rodízio.

Clique aqui para conferir o link do mapa do abastecimento.