Foto: Reprodução/EBC

Férias, sol, praia e piscina. Combinação mais que perfeita para muitas pessoas e, principalmente, para as crianças. Entretanto, o verão também exige uma série de cuidados com o corpo e a saúde. E os olhos merecem atenção especial. São cuidados simples, mas necessários.

Uma dica importante é proteger os olhos dos raios solares com atitudes simples como o uso de óculos, bonés ou chapéus. O médico oftalmologista Peter Ferenczy orienta sobre o uso adequado dos óculos de sol, que devem ter proteção adequada aos raios solares.

A areia da praia, a salinidade do mar entre outras substâncias na água podem causar vermelhidão e irritabilidade nos olhos, assim como o cloro da piscina. Para evitar problemas, Ferenczy recomenda lavar os olhos após sair da água ou pingar colírio lubrificante e evitar coçar a região. Ele orienta também no que não se deve fazer.

Outro item essencial para os dias quentes é o protetor solar, mas é necessário tomar cuidado para que não escorra para os olhos. Peter Ferenczy recomenda aplicar o produto na área superior do rosto e na pálpebra inferior, evitando a pálpebra superior.

Em todas as épocas do ano é necessário ter cuidados com os olhos. Doenças oculares podem aparecer em decorrência do excesso da luz solar, como por exemplo a catarata – que é a perda de transparência do cristalino, que se torna opaco e rígido – e a conjuntivite, que pode se apresentar em 3 tipos: a bacteriana, a viral e a alérgica.

Higiene pessoal e alguns pequenos cuidados são suficientes para afastar problemas oculares, e visitar o oftalmologista regularmente.

Repórter Vanessa Fernandes