whatsapp-image-2016-10-25-at-09-58-08

Depois de uma assembleia que durou aproximadamente três horas, a maioria dos estudantes universitários decidiu ampliar a ocupação na reitoria da UFPR.

A ocupação do complexo começou na noite de segunda-feira, quando o hall de entrada do edifício Dom Pedro I, localizado na Rua General Carneiro, foi tomado por estudantes do curso de Pedagogia.

Pelo que foi definido na reunião desta quarta-feira, os estudantes ocuparam também o Edifício Dom Pedro II, na Rua Dr Faivre. Além dos dois prédios, há ainda o edifício central, onde fica o setor de administração e o gabinete do reitor Zaki Akel Sobrinho.

A assembleia que ocorreu à noite reuniu mais de mil pessoas. O Diretório Central dos Estudantes (DCE) da UFPR transmitiu os discursos por redes sociais.

As ocupações dos universitários ocorrem em apoio aos estudantes secundaristas que tomaram escolas estaduais e aos servidores técnico-administrativos da universidade, que estão em greve. Eles também são contrários à PEC 241, que limita os gastos públicos.

Em atendimento à requisição da Justiça Eleitoral há suspensão de todas as atividades didáticas na graduação, dos campi Politécnico, Agrárias e ainda no prédio do Setor de Ciências Sociais Aplicadas, no campus Botânico, em Curitiba. O TRE requisitou estes espaços, oficialmente às 0h14 desta quinta-feira por determinação da Justiça Eleitoral.

A preparação das áreas ocorrerá a partir da tarde desta quinta-feira, já que os locais vão funcionar como zonas eleitorais em função da ocupação das escolas estaduais, que seriam utilizados como locais de votação.

Repórter Fábio Buchmann

Deixe uma mensagem