Foto: Ocupa CEP
Foto: Ocupa CEP

Os alunos do Colégio Estadual do Paraná, que fazem parte da ocupação, declararam que são contra o acordo firmado entre o Governo do Estado e o Ministério Público do Paraná.

 

O pronunciamento foi feito em uma coletiva de imprensa no fim da noite desta sexta-feira (28) e transmitido ao vivo pelas redes sociais. Uma das alunas, que não quis se identificar, informou que o acordo fere o princípio do movimento de ocupação porque não ouviu todos os alunos envolvidos.

Em nota os estudantes informaram ainda que foram chamados para uma reunião que seria para discutir o caráter emergencial das reintegrações, porém, segundo a nota, o houve foi “uma coerção do estado para a desocupação em massa, com a alternativa de centralizar os estudantes no Colégio Estadual do Paraná”. Os integrantes do movimento Ocupa CEP informaram que vão desocupar a instituição.

Os alunos informaram, no entanto, que mesmo com a desocupação das escolas, a mobilização pela retirada da Medida Provisória que reestrutura o Ensino Médio e da PEC que limita os gastos públicos para os próximos vinte anos continuará nas ruas.

O horário da desocupação não foi definido, mas há a expectativa de que seja até o fim da tarde deste sábado.

Em todo o estado, 430 colégios continuam ocupados, segundo levantamento do Governo do Estado.

Repórter Karina Bernardi

Deixe uma mensagem