Foto: Reprodução

A exoneração do juiz federal Sérgio Moro do cargo de professor de Direito Penal e Processual Penal da Universidade Federal do Paraná (UFPR) foi publicada no Diário Oficial da União nesta quinta-feira (15). O juiz, responsável pelas ações da Lava Jato em primeira instância, dava aulas no Departamento de Direito Penal desde 2007.

A portaria de exoneração foi assinada pelo pró-reitor de Gestão de Pessoas da UFPR, Douglas Ortiz Hamermuller. O documento foi publicado nesta quinta-feira, mas é datado da última terça-feira, 13 de março.

O texto diz “Exonerar, a pedido, nos termos do artigo 34 da Lei nº  8.112/90, a partir de 08 de março de 2018, do Quadro Permanente desta Universidade, o servidor SÉRGIO FERNANDO MORO – 1584251, ocupante do cargo de Professor, classe 6, lotado no Departamento de Direito Penal e Processual Penal do Setor de Ciências Jurídicas. Declarar a vaga aberta”.

Moro estava afastado das atividades da universidade federal desde o fim de 2016, quando pediu licença para se dedicar exclusivamente aos processos da Lava Jato. A exoneração teria acontecido atendendo a um pedido do magistrado.

Repórter Francielly Azevedo

Deixe uma mensagem