Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil

Faltando apenas 14 dias para o fim do prazo de entrega da Declaração de Imposto de Renda 2017, 708 mil declarações foram entregues, mas o volume representa apenas 38% do total de 1.850.000 declarações que são esperadas dos contribuintes paranaenses.

O período para entrega da declaração iniciou no dia 1º de março, mas já é hábito do brasileiro deixar para a última hora. Quando se aproxima o fim do prazo há um risco que o contribuinte precisa levar em conta, é que o sistema da Receita Federal pode ficar mais lento, devido ao volume de acessos. Por essa razão é preciso se apressar já que quem não apresentar a declaração de imposto de renda 2017 pode incorrer em alguns problemas como explica a auditora fiscal da Receita Federal Giovana Longo.

O contribuinte deve ficar atento também às mudanças em relação aos dependentes na declaração de Imposto de Renda. De acordo com Giovana Longo, os dependentes declarados a partir dos oito anos de idade devem ter CPF.

No país foram recebidas pelo sistema da Receita 11.848.475 declarações. A expectativa é de que 28,8 milhões de contribuintes entreguem a declaração.

São obrigados a declarar o imposto de renda pessoa física 2017, quem obteve receita bruta anual de R$ 28.559,70; quem teve rendimentos não tributáveis acima de R$ 40 mil; e quem possui bens e direitos em valor superior a R$ 300 mil.

O prazo final para entrega da declaração de Imposto de Renda 2017 é o dia 30 de abril, e não há prorrogação de prazo segundo a Receita Federal.

Repórter Vanessa Fernandes

Deixe seu comentário