Foto: Coritiba FC.
Terrazza Panorâmico

Um dia após perder para o Toledo a Taça Barcímio Sicupira Júnior, o primeiro turno do Campeonato Paranaense, o Coritiba teve outra má notícia: o goleiro Wilson, vai passar por uma cirurgia, por causa de uma fratura na mão, e corre risco de só voltar a atuar na Série B do Campeonato Brasileiro, que começa no dia 26 de abril.

Segundo a diretoria, Wilson sofreu uma lesão durante o empate com o Operário (2 x 2), em Ponta Grossa, no último dia 10. Mesmo com esta situação, o experiente titular,de 35 anos, ainda atuou diante de FC Cascavel (0 x 0 no tempo normal e vitória coxa-branca nos pênaltis) e Toledo (1 x 1 no tempo normal e derrota nos pênaltis).

Nesta segunda-feira (25), além da fratura de Wilson, também foi notícia no Coritiba a apresentação do novo técnico, Umberto Louzer, de 38 anos, ex-Guarani de Campinas e Vila Nova de Goiânia. O treinador chega com aval do diretor de futebol Rodrigo Pastana, com quem trabalhou em 2016, quando ainda era auxiliar-técnico. Louzer vai estrear no próximo dia 10, contra o Cianorte, em Cianorte, pela primeira rodada da Taça Dirceu Krüger, o segundo turno do estadual.

A vaga de Wilson deve ficar com Rafael Martins, goleiro de 27 anos, revelado nas categorias de base do alviverde. Apesar de estar no clube desde 2010, Martins só disputou sete partidas pela equipe paranaense. Em 2016, foi emprestado ao Sampaio Corrêa, do Maranhão.

(Ayrton Baptista Junior)