Foto: SMCS
Terrazza Panorâmico

Após dezenas de taxistas realizarem um protesto no Centro Cívico exigindo que o cadastro dos motoristas que atuam por aplicativo seja feito pela prefeitura e não somente pelas plataformas de cada empresa, o prefeito Rafael Greca assinou um novo decreto ampliando a regulamentação do transporte compartilhado por aplicativos na cidade.

Segundo o documento, o cadastramento dos motoristas deverá ser feito no site da Urbs e não apenas na plataforma do transporte por aplicativo. Além disso, reforça a necessidade de adequação a itens estipulados na legislação federal, como possuir carteira nacional de habilitação na categoria B ou superior.

Em dois anos, este foi o quarto decreto envolvendo alterações na regulamentação do transporte por aplicativos, além de uma resolução municipal.

Em entrevista à rádio CBN Curitiba, na manhã desta quarta-feira (21), o prefeito Rafael Greca explicou que esse é um processo de aperfeiçoamento contínuo do setor.

Para Greca é preciso entender o processo tecnológico, mas isso não pode afastar os taxistas das ruas. Ele frisa que os dois serviços de transporte devem ser oferecidos para facilitar a vida dos passageiros na cidade.

O cadastramento dos motoristas pela Urbanização de Curitiba (Urbs) será regulamentado 60 dias após a publicação do decreto.

Repórter William Bittar