Foto: Pixabay

Os depósitos em caderneta de poupança dos paranaenses apresentaram um aumento em janeiro deste ano, conforme um levantamento feito pelo Ipardes, o Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social.

O crescimento real, em comparação com janeiro do ano passado, chega a 5,8%, com a correção pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo. O crescimento nominal, sem a correção do índice, é de 9,8%.

Segundo o diretor do Centro de Pesquisa do Ipardes, Julio Suzuki Júnior, existem bons motivos para comemorar esse aumento. Ele explica que a renda do paranaense vem melhorando gradativamente e uma das principais causas é a criação de 27.995 novas vagas de emprego com carteira assinada no primeiro bimestre deste ano. Isso significa 13% das vagas geradas no Brasil, o que mostra também que o crescimento é maior no Paraná.

Júlio Suzuki afirma, ainda, que os resultados setoriais e outros indicadores, somados à melhora na poupança, levam a crer uma variação positiva da economia paranaense ao longo deste ano.

De acordo com dados do IBGE, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, houve um incremento de 8,1% no setor da indústria de transformação em janeiro deste ano; um crescimento de 0,8% no comércio varejista e de 0,3% no setor de serviços.

No quadro da criação de empregos, o campeão é o setor de serviços, ao qual coube 54% das vagas abertas com carteira assinada.

Repórter Vanessa Fernandes