Arte: Conmebol.

A Copa Libertadores da América começa para o Athletico no dia 5 de março, diante do Tolima, em Ibagué, cidade colombiana que fica à 190km de Bogotá. Para esta competição o rubro-negro paranaense tem cinco estrangeiros: o colombiano Anderson Plata e os argentinos Lucho González, Tomás Andrade, Marco Ruben e Braian Romero. Como não há limite de utilização de jogadores de outros países, o treinador Tiago Nunes pode escalar todos, sem restrição.

O regulamento da Libertadores quanto aos estrangeiros difere das normas da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro. Nas competições da CBF, cada time pode relacionar, no máximo, cinco por jogo.

O volante Lucho González está no Athletico desde 2016. O atacante Anderson Plate chegou no ano passado. Os três argentinos recém-contratados vêm por empréstimo: o meia Tomás Andrade pertence ao River Plate. O atacante Marco Ruben é do Rosario Central e Braian Romero, também atacante, do Independiente.

Quarta-feira, Marco Ruben fez o primeiro gol da vitória, por 2 a 1, no amistoso contra o General Diaz, do Paraguai, na Arena da Baixada (o segundo foi do meia Nikão). Nesta partida também estreou Tomás Andrade.

Na próxima quarta-feira (20), também na Arena, às 19h30, outro amistoso entre o Athletico e um clube paraguaio: o Guarani. É o jogo que deve apresentar Braian Romero para a torcida rubro-negra.

(Ayrton Baptista Junior)