Foto: Divulgação/LEC

Dois lobos-marinhos-do-sul que estavam em atendimento de Centro de Reabilitação e Depetrolização de Animais Marinhos, no Centro de Estudos do Mar da Universidade Federal do Paraná (UFPR), foram soltos na natureza nesta quarta-feira (30).

Os animais, duas fêmeas jovens, estavam no local há mais de dois meses. O tratamento realizado pela equipe técnica consistiu em monitoramento diário da saúde dos animais, medicação e alimentação específicas. Os lobo-marinhos foram reintegrados à natureza após a autorização do Ibama, na região do Parque Nacional Marinho Ilha dos Currais, que fica no litoral do estado, a cerca de 6 milhas náuticas da costa. Segundo informações do Laboratório de Ecologia e Conservação, os animais não foram soltos na praia, devido ao fluxo intenso de veranistas. Os dois lobos-marinhos receberam microchipagem e tiveram o pelo descolorido, para que possam ser identificados, caso voltem a aparecer nas praias.

Além dos lobos-marinhos, a equipe fez a soltura de uma tartaruga-cabeçuda, que foi resgatada em dezembro, na Barra do Saí, em Guaratuba, enroscada em um saco de estopa.

Estas ações de resgate e atendimento à fauna são parte do Projeto de Monitoramento de Praias PMP-BS. As pessoas que encontrarem mamíferos, tartarugas e aves marinhas no litoral devem acionar a equipe do projeto, pelo 0800-642-3341.