Uma grande mancha foi visualizada no mar no Balneário Albatroz, em Matinhos, no litoral paranaense, na última segunda-feira. Desde então, o caso vem sendo monitorado por órgãos ambientais.

O Instituto Ambiental do Paraná realizou, nesta terça-feira, uma coleta na água do mar para identificar a matéria e a origem da macha. O órgão, por meio de nota divulgada pela assessoria de imprensa, informou que a possibilidade da mancha ser algum tipo de óleo já está descartada. O IAP também não considera que o fenômeno esteja relacionado a algum acidente.

A suspeita é de que se trate de uma proliferação de algas marinhas, a partir de um fenômeno natural e que não apresente riscos aos banhistas. O resultado das análises será divulgado em até 48 horas.

Repórter Joyce Carvalho

Deixe seu comentário