Foto: Rodrigo Fonseca/CMC

Depois da decisão da Justiça de determinar a reintegração de posse, a direção do Sismuc, que representa os servidores municipais, decidiu desmontar na manhã de hoje (23) acampamento na Praça Eufrásio Correia, ao lado da CMC.

Uma oficial de Justiça esteve no local e fez a leitura do mandado por volta das 18:00 desta segunda-feira. O documento foi assinado pela presidente do Sismuc, Irene Rodrigues, alguns minutos depois.

Logo depois da assinatura, algumas barracas foram deslocadas da Praça Eufrásio Correia para o gramado que fica em frente à entrada principal do Palácio Rio Branco, mas elas foram retiradas após cerda de uma hora.

O Acampamento da Resistência, como foi batizado pelos manifestantes, completava uma semana. O clima foi de tranquilidade na Praça Eufrásio Correia. A reintegração ocorreu de forma pacífica, e a maioria das barracas já tinha sido retirada perto do meio dia. A GM e a PM acompanharam a movimentação à distância.

A categoria tem protestado contra o pacote de ajuste fiscal proposto pela prefeitura, e que vai afetar diretamente os servidores.

Repórter Fábio Buchmann

Deixe uma mensagem