Foto: Guilherme Dalla Barba/SMELJ

Quem mora em Curitiba já sabe o que significa piá, guria, penal, vina, bolacha e pila.

E assim, valorizando os jargões curitibanos, acontece neste domingo (10) a Meia Maratona de Curitiba, ou melhor, a “Meia de Curita”, primeira corrida de rua da capital paranaense em 2019.

Com percursos para todas as idades e todos os fôlegos, com trechos de 5, 10 e 21 quilômetros, a largada acontece na Praça Afonso Botelho, em frente à Arena da Baixada, a partir das 6h30.

O Arthur Trauczynski, diretor de negócios da Global Vita Sports, organizadora do evento, ressalta que ele não é só para quem vai correr não. Uma arena será montada na praça para todo mundo participar.

Cerca de três mil pessoas devem participar da corrida, mas o diretor não quer dar uma de “Curitiboca” e vai ficar feliz se alguém de fora vencer a prova.

E atenção para os bloqueios no trânsito.

Na Avenida Getúlio Vargas o bloqueio será total entre a Rua Buenos Aires até a Marechal Floriano Peixoto, das 6h20 às 6h45.

Na Rua Dario Lopes dos Santos, bloqueio total das 4h às 7h30.

Na Rua Engenheiros Rebouças, bloqueio total das 06h20 as 07h40;

Na Rua Iapó, bloqueio total e cruzamentos no sistema pare e siga;

Na Rua Aloizio Finzetto, bloqueio parcial com trânsito compartilhado em 400 metros;

Na Rua Reinaldo Machado, bloqueio parcial;

Na Rua Chile entre as ruas João Negrão e Nunes Machado, trânsito compartilhado;

Na Rua Nunes Machado entre a Avenida Presidente Getúlio Vargas e Avenida Presidente Kennedy, bloqueio total;

Na Avenida Presidente Kennedy trânsito compartilhado durante toda via com sistema pare e siga para as ruas transversais;

Na Rua Guilherme Pugsley, trânsito compartilhado da Rua Acre até Avenida Getúlio Vargas;

Na Avenida Água Verde com a Rua Alcebiades Playsant, sistema pare e siga;

E na Avenida Presidente Getúlio Vargas entre as ruas Saint Hilarie e Buenos Aires, trânsito compartilhado até a chegada.

Repórter William Bittar