Foto: Marcelo Camargo/Agência Estadual de Notícias

As vendas do varejo paranaense cresceram 1,59% de abril para maio. Em relação a maio de 2017, o aumento é de 3,3% no faturamento, conforme dados da Pesquisa Conjuntural da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná. Em Curitiba e Região Metropolitana, o comércio teve aumento de 4,65% nas vendas.

Segundo a Fecomércio, ainda que negativos, os efeitos da greve dos caminhoneiros não foram suficientes para que o comércio deixasse de crescer. Isso acontece principalmente porque como a paralisação teve início no dia 21 de maio, quando boa parte das vendas do mês já havia sido concretizada.

Ainda conforme o levantamento, o ramo de supermercados teve elevação de quase 9% no faturamento. A justificativa da Fecomércio seria a corrida dos consumidores para estocar mantimentos.

O inverno causou o crescimento nas vendas em maio, na comparação com abril, nos segmentos de calçados (17,86%), vestuário e tecidos (13,9%) e lojas de departamentos (17,5%).

No acumulado do ano, os destaques são as concessionárias de veículos (35,19%), materiais de construção ( 11,86%) e as lojas de departamentos (8,19%).

Repórter Francielly Azevedo

Deixe uma mensagem