Foto: Reprodução/SMCS

Mais de 460 pessoas em situação de rua foram atendidas pela Fundação de Ação Social (FAS) da Prefeitura de Curitiba na madrugada mais fria do ano na cidade. De terça para quarta-feira, os termômetros marcaram 4,8º, com sensação térmica de 3º.

Das 18h de terça até 6h da manhã de quarta, 385 pessoas procuraram espontaneamente os abrigos municipais, que oferece espaço para banho, roupas limpas, alimentação e cama com cobertores para dormir. Outras 78 foram encaminhadas pelas equipes da FAS.

Além disso, as equipes fizeram 99 abordagens sociais, sendo que 67 delas foram solicitadas por meio da Central 156 e uma diretamente por telefone.

Em cinco casos, a equipe se deslocou até o endereço informado, mas não havia ninguém no local. Dezenove pessoas recusaram atendimento, mesmo com os educadores sociais alertando para o risco de ficar nas ruas.

Por estar debilitada, uma pessoa foi levada para uma unidade de pronto-atendimento e outra decidiu voltar para a família, depois de contato feito pela Fundação de Ação Social.

As ações serão intensificadas nos próximos dias, quando as temperaturas devem baixar novamente.

Repórter William Bittar