Foto: Arnaldo Alves / AEN.
Terrazza Panorâmico

O Ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, esteve em Curitiba, nesta sexta-feira (1º), para inauguração da Delegacia Modelo de Investigação e Análise Financeira no Brasil, que tem o objetivo de investigar processos voltados ao combate de crimes financeiros e corrupção.

Após o evento, durante entrevista coletiva, Sergio Moro comentou a atuação das forças de segurança em relação a presença de óleo na costa brasileira. A Polícia Federal acionou a Interpol para identificar e localizar o comandante do navio grego e os dirigentes da empresa acusada de ser a responsável pelo derramamento do produto.

A PF tinha informações de que a embarcação chegou a ficar ancorada num porto da Nigéria. O Diretor-Geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo, destacou que o trabalho de cooperação internacional está em desenvolvimento, mas não citou quais providências foram pedidas como interrogatórios ou medidas mais duras como prisões.

O ministro Sergio Moro também repercutiu as investigações envolvendo a morte da vereadora Marielle Franco, após a citação do nome do presidente Jair Bolsonaro no caso.

A Delegacia Modelo de Investigação e Análise Financeira no Brasil. A unidade fará parte da Delegacia de Repressão a Corrupção e Crimes Financeiros da Superintendência Regional da Polícia Federal no Paraná, em Curitiba.

Repórter Francielly Azevedo